terça-feira, 31 de agosto de 2010

- I'm Tired


É como se não tivesse no meu lugar, é como se tivesse deslocada.
Como se todo meu quarto tivesse ao avesso, meu mundo de cabeça pra baixo e eu ainda não tenha percebido, ou ainda não tenha conseguido consertar. Eu vejo meus horários mudados, meus dias vagos, uma rotina inconstante, e eu tenho que me lembrar, já faz 2 anos que toda a minha rotina perfeita acabou, mas parece que foi ontem. Eu sigo em frente, mas é como se tivesse sendo empurrada por alguém, para algum lugar que estou pouco me importando de saber qual seja. Preciso de alguém que segure meu rosto, me faça parar e me ordene que volte pro meu mundo, volte a ser o que era e seja feliz. Preciso de alguém que me faça ter ao menos alguma certeza na vida de que aquilo é o que eu quero. Eu preciso disso, de certezas, cansei da minha vida nômade de inconstâncias, cansei.

- Tanto tempo faz.


“Às vezes me lembro dele. Sem rancor, sem saudade, sem tristeza. Sem nenhum sentimento especial a não ser a certeza de que, afinal, o tempo passou. Nunca mais o vi, depois que foi embora. Nunca nos escrevemos. Não havia mesmo o que dizer. Ou havia? Ah, como não sei responder as minhas próprias perguntas! É possível que, no fundo, sempre restem algumas coisas para serem ditas. É possível também que o afastamento total só aconteça quando não mais restam essas coisas e a gente continua a buscar, a investigar — e principalmente a fingir. Fingir que encontra. Acho que, se tornasse a vê-lo, custaria a reconhecê-lo.”

- Estou aqui,


não sei até quando meus planos vão existir, não sei até quando eu quero que você exista. E quem me dá a certeza de que amanha vou acordar com um sol forte em meus olhos, e vou olhar para meu lado e você vai estar ali com um sorriso? Eu não tenho mais certeza de nada, parece que todos meus pensamentos fogem de mim como gotas de água, tão depressa tenho a vontade de pegar todas as minhas coisas e fugir daqui, fugir para um lugar em que apenas eu e o céu existamos. Talvez eu precise de mais liberdade, ou então eu não precise mais de ti. Bem, então se você não me pertence mais, não tenho nada para levar junto comigo, além de meu coração. Então, por favor, me devolva?

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

- Um dia você vai lembra de mim .


Quando chata era aquela garota que inventou de gostar de você.Quanto tempo ela levou pra se apaixonar? Não sei, só sei dizer que foi uma coisa derrepente um sorriso talvez. E você se pergunta onde anda aquela garota? O que terá feito daquele amor? Será que ainda existe? Ela se apaixonou por você pelo simples olhar por aquele sorriso que você traz no rosto, se eu pudesse mandar nos meus sentimentos ou melhor no meu coração pediria pra nunca te conhecer só assim eu não sofreria. Talvez todo esse amor não é suficiente pra você. Ela se enganou? Não pelo simples fato você talvez não tivesse coragem de tomar alguma atitude você também não pode desfazer o que ela sentia simplesmente aconteceu.E quando eu me deito na minha cama é impossível não lembrar de você, e as vezes quase morro chorando.
Talvez eu nunca tenha te esquecido apenas tentei tirar você dos centro das atenções.Quando você lê isso, você se lembre que alguém chorou por você, alguém que queria te ver sorrir mas nesse dia a tarde vai embora logo, e a noite fria vai
chegar e você vai perceber que frio e lágrimas não combinam e dai quem sabe você nota que é duro amar alguém que só te esnoba foge de você e você verás que é duro não ter ninguém pra te abraçar quando sentir frio, pra te beijar quando se sentir só, pra sussurrar baixinho em seu ouvido dizendo que TE AMA. E para aquela garota chorona vão restar apenas magoas. Porque ela vai pra sempre se perguntar será que algum dia ele pensou em mim ? E eu me pergunto será que EU TE AMO mesmo? Eu só queria um dia poder ter certeza mesmo que o que eu sinto por você É AMOR. Enfim, isso um dia vai ACABAR eu só espero que não seja tarde demais pra você cair na real e perceber e o que realmente queria de você era apenas sua ATENÇÃO.

- Hoje em dia,


tudo é sobre amor. Dão tanta importância pra essa palavra na teoria, mas na prática, pouquíssimos valorizam. Então eu me pergunto: o que é o amor? Um sentimento que pode te fazer feliz ou acabar com você com uma simples palavra, sentimento no qual não se mede limites. Mas no final de tudo, só restam lágrimas. Afinal, nada é pra sempre. Uma hora seu grande amor se vai, e o sofrimento te domina. Aí vem a questão: pra que serve o amor? Pra nos motivar a viver, ou pra nos fazer sofrer? Talvez o que leve ao sofrimento seja a idealização que constroem. Porque é sempre assim, sempre esperamos ser correspondidos, e às vezes só resultam frustrações. E quando isso acontece nos perguntamos: será que um dia isso vai passar? E passamos o resto dos nossos dias sem ter uma resposta concreta. O amor sempre será uma incógnita, cabe a cada um atribuí-lo um valor.

- que ainda não passou.


Está aqui. Dentro, fundo e meio escondido, mas firme.Forte não, que por um fio se equilibra tudo isso há muito tempo. Mas fio esse, que talvez seja de cobre, ouro, metais nobres. Um fio que segura, e por onde a equilibrista dentro de mim se aventura. Mesmo você não sendo bêbado, e estando longe disso, é claro. Descobri apenas à pouco, enquanto me esforçava em fazer careta ao ouvir teu nome, gritar pro mundo que você não existe mais na minha felicidade, concordar na sua idiotice calhorda e dançar loucamente à noite. Beijar aparentes príncipes, que não tinham nem de longe a tua malandragem, e eloquência de sapo magnífico. Ajudei no que pude, compreendi emoções, tentei calar a minha boca grande, viver intensamente. Fiz tudo o que me coube, para me livrar do sentimento nostálgico que é curar de vez esse vazio dolorido que me afinca o peito. Sanei tantas dúvidas, curei algumas questões incompreendidas, para esquecer aquilo que me inquietava por dentro. Cuidei dos outros, e me joguei num canto. E no final das costas, eu quem deveria encabeçar a minha lista em primeiro lugar, tirar todo e qualquer resquício seu, daqui. De mim. Uma semana, e dois primeiros encontros. Saldo final? Nada que tenha me feito vibrar. Ou, pensar em substituir lembranças das nossas conversas sem fim, de algumas piadas internas, e o encaixe perfeito dos teus braços, sob a minha cintura. Não é tentando substituir que se esquece: só se lembra ainda mais. Em cada erro do outro, cada garfe, só se recorda mais e mais do quanto não era assim antes, com outro alguém. E isso dói. Comparar pessoas é mais ou menos como qualquer necessidade fisiológica: não é bonito, mas é inevitável. Não se pode fugir. Ainda não sei onde procurar alguém com o mesmo sorriso leve, e a maneira única de me olhar de frente, encarar com vontade. Eu tento, eu quase consegui, mas ao me colocar novamente em companhia-masculina-possível, titubeio. Vejo o banner do nosso filme, já na locadora, e quero morrer. Ouço a música que cantávamos juntos, animados e em descontração, e êxito. Quase choro. E me faço brusca, fugitiva, e desinteressada: não dá. Se paro para refletir, me torno quieta - o que é raríssimo. Mesmo não sabendo o que fazer com tudo aqui dentro, que depois de tanto tempo, e muitos dias ainda me incomoda, tira meu sono, e rasga minha paz, sou quase uma prisioneira: me tranquei nesse beco sem saída, nessa cela obscura, e é como se tivesse engolido a chave, sem volta. Precipitei situações, e te fiz ir longe; te vi ir indo, e perdi. Talvez pra sempre, quem sabe nunca mais. E todos me dizem que não valia a pena, que não vale e muito menos, valeria. Me pergunto íntima e por dentro, quando é que isso vai passar, que me aparecerá alguém à altura, que eu me pegarei apaixonada e feliz, como já fui? Rezo, e culpo alguns santos. Peço encarecidamente que Deus veja toda essa injustiça, e cubra o mundo com o que acredito. Com amor decente, e pra quem dá amor - o certo, o que nos ensinam na catequese e o que nos é educado em casa, não é exatamente isso? Dê amor, e receberás de volta. Só ainda não encontrei motivos para acreditar piamente em tal afirmação. Nenhum, muito menos dois.Não quero companhia, essa dor é apenas minha, e não há o que cure (a não ser, você mesmo). Sendo que está longe, e impossível. Sem preço a pagar, e muito o que fazer, me fecho novamente na minha colcha lilás, e sob a luz apagada. Dispenso caridade, tenho nojo. Nunca fui coitada, e mesmo na minha maneira Pollyanna em ver o mundo, aprontei das minhas. E por mais que provoque desejos alheios, que me sinta a rainha da noite, e que aproveite o máximo que posso, quando quieta e pensativa, sou apenas despedaçada. Me falta algo, e talvez seja minha felicidade real, meu sorriso sincero, ou quem sabe, o que por um bom tempo causou toda essa minha onda feliz e pacífica: você.Tomada por uma saudade enorme, e um sonho ruim, disco os números que alguma vez já decorei, esqueci e apaguei. Ouço sua voz inesquecível, coração que palpita, ansiedade que toma conta. Sem muito o que fazer, e tanta coisa a dizer, desligo. Saciada, medrosa e levada; vivendo, e fazendo acontecer. E mesmo assim, sentindo enormemente a falta nobre que é estar sem a sua presença ilustre. Porque não há faculdade federal, carro importado ou paixão por mim que compre ou derrube o território que conquistaste em mim. Ainda aqui, quem manda no pedaço, e comanda ruas, movimentações e greves, é o senhor. Pode ter certeza, excelentíssimo.

sábado, 28 de agosto de 2010

- muitos de nós acreditam na beleza do amor,



No para sempre, no par perfeito, até que descobrimos que as coisas não são bem como sonhamos, e com certeza não se encaixam nas histórias dos Contos de Fadas. Um dia eu acreditei no amor, e percebi que não tem absolutamente nada a ver com muitos filmes românticos e músicas que nos fazem sonhar. Que não é perfeito, que nem sempre dá certo, e que muitas vezes não importa o quanto você tente e o quanto você lute, as coisas não saem como você quer. Que o amor nem sempre é lindo e que a existência de alguém que nos complete é utopia. O amor é um sentimento forte e intenso, capaz de trazer uma felicidade incalculável a quem tem a sorte de possui-lo de forma sincera, mas que também pode nos fazer sofrer como jamais imaginamos que poderíamos. Que o fim é insuportável e a superação não tão rápida quanto deveria ser. E acima de tudo, que vale a pena.

- posso ler o seu futuro ?


você vai crescer, e vai ser muito feliz. vai ter um namorado que como ele diz te ama mais que tudo, vocês vão ficar por um bom tempo juntos, até que chega num certo ponto, que não dá mais. daí você começa a querer aproveitar sua vida. mas dai você vai começar a envelhecer, e todos irão te rejeitar , pois tudo em você vai cair, e seu rosto vai ficar cheio de rugas. a cada dia que passar você vai se sentir mais sozinha, mais angustiada. talvez a única pessoa que você vai ter do seu lado, vai ser seu cachorro, pois eles não tem vida própria, vivem pelo humano. talvez você esteja feliz por isso, talvez não. e aí que você vai pensar, de que valeu a pena se amarrar a alguém por tanto tempo, sendo que na hora que você mais precisa, o amor da sua vida não está do seu lado. de que valeu sofrer tanto por alguém, se agora você está lá, sozinha, como um ninguém. e o resto dos dias irão se passar, você vai envelhecer mais e mais. até que um dia, puf, você morre! acabou sua vida, acabou tudo.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

- que pena que foi só um sonho.


Ontem a noite eu te vi, estava tão lindo, como eu nunca tinha visto antes. Coloquei os olhos em você e logo sorriu pra mim, enquanto me olhava nos olhos. Eu senti minhas pernas ficarem bambas e meus olhos brilharem. Eu cheguei mais perto, e você também se aproximou, me disse 'senta aqui do meu lado' e eu fui, cheguei tão perto, e beijou minha mão quando toquei seu rosto. Quando eu te toquei naquele momento eu tive certeza que sim, era você, era você o que iria ficar comigo por toda a vida, é aquilo que chamamos de metade, é, a minha metade. Eu não podia falar, a voz simplesmente não saia, eu com os olhos podia falar com você e sentir que sim entendias tudo o que eu estava sentindo e tudo o que eu queria te falar. Eu precisava daquilo, eu precisava de um momento contigo, só um momento pra ter a resposta de todas as minhas perguntas. Eu podia sentir teu cheirinho bom, e ter aquela vontade de te abraçar e não soltar nunca mais.Eu sabia que sentias o mesmo, era visível o amor que estava ali. De repente meus olhos abriram, meus lábios sorriam, mas meus olhos queriam chorar, estavam vazios, cheios de angústia, e meu coração pedia mais. Eu não sabia o que fazer, só pedia pra que voltasse a dormir, e sonhar outra vez com momentos assim, que eu realmente precisava que fizessem parte da minha realidade.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

- Saudade.


Quem nunca sentiu saudade? Saudade de um amigo distante. Saudade de algum momento importante de nossas vidas. Saudade de coisas simples porem que nos marcaram muito. Até mesmo saudade de um grande amor. Mas sabemos que tudo isso é passado e em breve acontecera mais coisas e logo vira mais e mais lembranças. Espero que futuramente sejam coisas boas e que poderemos lembrar e rirmos juntos ou até mesmo nos emocionar por frases de amor ditas. A saudade pode ser boa ou ruim, boa porque se temos ela de alguém é porque sentimos um grande carinho por esta pessoa e ruim porque pode ser por alguém que não voltara alguém que ainda não superamos esta perda. Eu tenho sim saudade de tudo que eu já vivi ao lado dos meus amigos e de todas as coisas que aprontamos juntos. E claro que de todas as historias de amor já vivida ao lado de um g­rande amor, e principalmente de olhar nos olhos dele e poder dizer ‘Amo você!’

- Não precisa mais sorrir,


muitos menos me fazer juras de amor, como se correspondessem à realidade, sei que são palavras do mais absoluto fingimento. O sorriso hoje negado se transformará em extrema dor, pois meus lábios sequer se abrirão para uma palavra de atenção, quanto mais para sorrir.Meus braços, que tantas vezes se estenderam em busca dos seus, retraídos estão, trancados, como se estivessem defendendo o peito que abriga o coração ressentido.Meus olhos, que antes eram vivazes, crendo na possibilidade de passear nos seus olhos, hoje são cinzentos e lacrimejantes, sem uma única tonalidade de luz.Meus ouvidos, que costumavam ouvir as mais belas sinfonias da vida, hoje escutam o triste lamento da sucessão dos dias.A única vez que provei do seu beijo, foi para saber a diferença entre o mel e o fel. O mel de seus lábios é uma lembrança antiga, o fel da minha boca é um momento presente. (...)

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

- Você encosta a cabeça no travesseiro e o vazio toma conta do seu mundo.


As coisas andam tão diferentes de uma semana atrás . Em quem pensar ? Por quem esperar ? Tantas dúvidas , espaços (...) Tanto amor desperdiçado e você não sai da minha cabeça . Não quero você aqui , você não pode ficar mais que cinco minutos . Esse tempo é suficiente pra trazer à tona minhas lágrimas . Dói ! Ta machucado aqui ó . E a solidão , acaba sendo uma fraude imposta por mim mesma . Mais uma arma minha nessa luta contra eu mesma ! Porque a verdade é que eu te sinto perto o tempo todo . Sua presença não me faz mais bem . Cada vez que te vejo , morro um pouco mais . Solidão ... minha amiga companheira ! Tem sido minha companhia todos esses dias . Hoje , mais uma vez meus olhos lacrimejaram e meu coração chorou sua partida . O orgulho já ferido não tem ajudado em nada mais ! Tudo isso só me lembra que eu tenho um longo caminho . Marcas pra apagar , feridas pra cicatrizar e lembranças pra esquecer ! esquecer !Uma jornada difícil , sem data marcada pra acabar , mas ... a felicidade e liberdade que eu tanto desejo hoje , esperam por mim , tenho fé . Outra noite , mesma solidão ...Tudo calado , lembro do seu rosto , aquele sorrisinho me faz sentir saudade . Então eu peço : - Vai embora de mim , por que você não levou tudo no dia que resolveu partir ? Queria achar em você a pessoa que eu conheci naquela noite . Queria poder olhar pra você e não sentir tanto rancor . É tão triste , porque um dia existiu amor . Dor ...essa é a palavra . Sentir sono agora seria um alívio , por algumas horas esquecer que você não vai voltar acalmaria meu coração . Noite passada sonhei com você , no sonho você dizia ainda me amar , sentir minha falta , dava bronca por tudo que eu fiz e quando ia me abraçar , acordei ! mas uma vez ... vi você indo . Você não vai ser presença aqui por muito tempo . Você já supõe que vou te esquecer . Você sabe , eu também sei . As vezes até acha que já esqueci ... pelas coisas que falei , pelas atitudes que tomei . Hoje , uso o silêncio como escudo , mas se um dia te encontrasse talvez eu te lembraria : " não é uma brincadeira , é um coração ".

- Um ‘desconhecido’


chega a nossas vidas, ele bate em nossa porta e nós não abrimos, portanto ele continua ali esperando para que possa entrar,mas surge o medo de que ele faça estragos e deixe marcas que quebre com tudo, ou que simplesmente não faça absolutamente nada. Mas aquilo começa a tomar conta e você conclui que aquilo é o causador de seus olhos brilharem de seu coração bater mais forte, e mesmo que aquilo não esteja ainda completamente dentro de ti mas só de pensar que você pode perder suas mãos começam a soar, sua boca fica seca, e você sente sua cabeça fora do seu corpo, e por mais fora do normal que seja isso você sente que há dentro de ti apenas uma gota de sangue circulando pela suas veias. Sem muito que pensar aquele desconhecido lá fora tem a permissão de entrar, então você mais insegura do que nunca tenta deixa ele meio que distante perto da porta, para que se algo der errado ele possa voltar o mais breve possível, mas a cada dia que passa a distancia entre os dois corações vai diminuindo e só de imaginar a ausência desse desconhecido você sente uma dor fatal cravada em seu peito. Você vai pedir à ele para que fique, que não te abandone nos momentos difíceis, que quando tudo estiver dando errado ele esteja ali pra falar uma simples palavra pra conforta a dor com um abraço, ou simplesmente para estar com você. E então é apenas ele que consegue alimentar a felicidade dentro de ti que por anos você achou que ela estava morta, e construir sonhos junto com ele se torna como o ar você precisa disso pra viver caso contrario, você morre! O desconhecido é amor que está sendo alimentado pelos sonhos, que traz junto contigo a felicidade e a forte frase ‘ aconteça o que acontecer eu sempre estarei ao seu lado meu amor, e jamais vou desistir disso tudo ‘

domingo, 22 de agosto de 2010

- Eu estou com medo de sonhar novamente, como agora.


É por que o meu sonho sempre acaba e o pior de tudo, nunca da maneira que eu desejo. Eu acho que me entrego demais, me entrego de corpo e alma e deixo que me levem lá em lugar distante de tudo, parece que começo a flutuar e vejo o mundo lá no alto, percebo o quanto à leveza do ar me faz bem, e o quanto eu não quero mais descer. Sinto-me completa, me sinto alimentada, comer e beber não me parece mais essencial, eu só preciso continuar no alto a flutuar, não importa com que intensidade eu vou cair, e não importa se eu vou cair, eu quero fica ali nem que seja por um segundo a mais. Quando abro meus olhos vejo que estou caída pelo chão, e olho pra cima e consigo percebe que nada mais existe, então olho a minha volta estou ferida, estou sozinha, estou com frio.Levanto-me,vou para casa faço um brigadeiro, deito no chão do meu quarto, e alimento meu silêncio com uma música bem alta, faço de uma companhia o meu travesseiro, faço da minha coragem minhas lágrimas, faço dos meus ferimentos as lições que continuo levando. Mas engraçado é saber que apesar de eu sempre cair, ainda estou com uma sensação de estar flutuando. É parece ser mais um sonho? Vou esperar, para cair novamente.

- Pra que dizer ?


se você vai achar que estou fazendo drama, pra que dizer se vai causar confusões, pra que dizer se as esperanças dentro de mim morreram, dizer faria elas renascerem, estou bem sem elas, porque a realidade é que elas não podem morar aqui, mas, sem esperanças não à sonhos e sem sonhos não à vida... Pra que dizer se não irás me compreender, pra que dizer se em vão vai ser, pra que dizer se morto já esta, sempre esteve diante de seus olhos... Sufoca, talvez devesse esquecer, mais se não esqueci até hoje depois de tanto tempo, conseguirei esquecer com o tempo ?. Sei que nada é em vão, mas esse sentimento parece ser ... Crenças, fé, alegria, noites de sono, esperança e amor, morreram ao esconder o que realmente quero dizer, mas, se eu dicer eu posso matá-las bem aqui... Se eu guardar comigo eu sofro, se eu compartilhar não serei a unica, não quero que sofram nem que fiquem confuso, só quero que me compreendam, e depois de dito que nada mude e se tiver que mudar que mude pra melhor... Preferia ouvir o que tenho a dizer, de preferência a quem sonho dizer... será que vale a pena arriscar-me ? talvez as coisas só fiquem bem dentro de mim se eu dicer, mas as coisas por fora podem mudar, isso da medo ... tudo ficou mais confuso. Se alguém puder me ajudar, seja bem vindo, mais acho isso impossível.

- ela sonha com um mundo que não existe,


um mundo onde ser feliz é o que mais importa, um mundo onde o amor é a prioridade, onde sorrisos e sentimentos são verdadeiros, onde palavras vem do coração, onde ela tem tudo que quer do jeito que quer... mas a vida insiste em acordá-la desse sonho nas melhores partes, então ela acorda e apanha mais uma vez da vida por sonhar tanto...

sábado, 21 de agosto de 2010

- Eu era feliz até conheçer você


que pôs a minha felicidade a perder, mostrou-me o céu e me deu o fel, deixou-me sem dizer adeus, deixou-me sem os beijos teus, o que faço agora? Você levou tudo embora, meus planos, meus sonhos, minha paz, isso não se faz, não com quem te quer tanto bem e que deseja dar o amor que você não tem, mas você escolheu, talvez a culpada seja eu, posso não ter feito você feliz, mas juro foi tudo que sempre quis, agora sofro, por alguém que nem me ouve, nem sabe e nem quer saber o tanto de amor que tenho para oferecer, um dia vai se arrepender, mas vai ser tarde, então é você quem vai chorar de saudade, porque eu já vou ter novamente encontrado a felicidade.

- Hoje eu chorei


como á alguns dias não choravam você me veio no pensamento, e as lembranças me invadiram, quanta saudade, senti falta de ouvir sua voz, de te ver, de ter um abraço, são coisas tão pequenas, mas que me fazem um grande bem. Onde esta você? O que esta fazendo? Como esta? Lembra de mim? Quer ser meu amigo? As perguntas me assombram, o aperto no coração sufoca e não sei o que fazer, se eu pudesse voltar no tempo e reescrever nossa historia, teria sido tudo diferente, sem desencontros, magoas e dor. Abraça-me forte, faça-me sentir protegido e de que estará sempre ao meu lado, já não te quero pra mim, apenas que esteja comigo, fique um segundo ao meu lado, me faça companhia, não me deixe sozinha(o) no mundo agora. Eu preciso vê-lo sorrir para também sorrir, eu preciso vê-lo feliz pra assim ser feliz, eu preciso da sua amizade, da sinceridade, do teu carinho, preciso que seja meu amigo e esteja comigo.

- Você ainda vai amar e odiar


a mesma pessoa, vai querer morrer e vai querer viver mais, vai se perguntar o porque de gostar, o porque de amar! Vai rir das coisas que passou, vai rir de como você era, de como você é, e de como você pensa ser. Vai querer mudar de nome, vai querer ser outra pessoa, vai perceber que você mudou muito, ou que você sempre foi a mesma pessoa! Vai querer rir com vontade de chorar, chorar com vontade de rir, vai acreditar e desacreditar, vai se perder em sua própria vida, vai arriscar mesmo sabendo das conseqüências. Vai deixar de tentar por medo, duvidas, vai se arrepender, vai querer voar. Vai querer sumir, se mudar para outro país. Vai querer recomeçar, mesmo nunca tendo começado, vai fazer planos com outra pessoa, mesmo ela nunca ter feito parte disso. Vai depender de alguém, vai pedir ajuda. Vai perder o orgulho. Vai perceber que mesmo sendo sempre a mesma pessoa, você nunca é você mesmo.

- Porque o amor acaba?


Por milhões de coisas bobas, pequenas e sem nenhuma importância. Porém, foram coisas que não foram ditas, e então elas se acumularam, como num quartinho onde se coloca os entulhos, nos entulhamos coisas que não dizemos. E isso acaba nos sufocando, e achamos que o amor acabou. Mas o amor não acaba, ele está apenas acumulado em nossa covardia de não dizer, de acumular coisas, acumular silêncio!

- Às vezes


eu gosto de imaginar que existe alguém que já viveu e passou por todas essas coisas, gosto de pensar que quando eu estiver bem velhinha sentada com os meus netos olhando o mar, eu vou pensar em tudo que aconteceu comigo e vou sorrir vendo que apesar de todas as pessoas que me fizeram mal, de todas as lágrimas, corações partidos e decepções eu venci, fui reconhecida pelos meus esforços, amei e fui amada e construí uma linda família. Mas eu sei o quanto é duro para eu admitir que talvez tudo isso não aconteça, talvez as pessoas não irão reconhecer os meus esforços e talvez eu seja uma laranja de um lado só, ou talvez eu simplesmente deva parar de imaginar e ir atrás e lutar por tudo isso, porque sim, eu mereço tudo isso, eu realmente mereço ser muito feliz.

- O que eu mais temia, aconteceu.


Sei que aquilo acabou. Eu só não consigo me convencer disso.
Não devia, mas você ainda mexe comigo. Aliás, Mexer é pouco! Se fosse só isso, eu conseguiria viver em paz. Só que é muito mais. Vai além de tudo que eu já imaginei ter sentido.
Acreditei por dois meses que você tinha literalmente saído da minha vida, do meu coração. E agora, todo o tempo que eu demorei pra "te esquecer", foi em vão.
É daquelas dores que vem de uma vez e consome por inteiro.
Eu achei que já tivesse conseguido amar um outro alguém, amar um outro alguém bem mais do que eu te amei, mas parece que estive enganada. Estive enganada por muito tempo. O que eu vivi foi tudo uma mentira, então?
Só que eu não quero cair no mesmo erro de novo.
Eu sei que vai doer e sei que vai ser o pior ano da minha vida, mas tenho que lidar com isso.
Desta vez o amor não foi suficientemente forte pra eu correr até você. Eu não vou deixar meu coração falar mais alto, não mais. Quem sabe, depois que eu sumir daqui, não nos encontremos de novo daqui alguns anos? E quem sabe até lá você não mude? Já ouviu dizer que a esperança é a última que morre?




( Reli mil vezes este texto antes de postar. Porque sei que daqui um ou dois meses, tudo isso que eu escrevi não vai ser mais verdade. Eu provavelmente cairei no mesmo erro, e te amarei pra sempre )

- Você não sabe como eu odeio,


você ter aparecido na minha vida, você não sabe o quanto eu odeio achar que a gente tem chance que ficar juntos, e saber que isso nunca acontecerá. E você não sabe o quanto eu odeio estar totalmente iludida! a única coisa que eu não consigo odiar, é você. Porque quando eu converso com você, eu simplesmente me sinto bem! Você simplesmente me toca com as suas palavras, e quando a gente tá junto meu mundo pára, e tudo desaparece, quando eu to com você, eu não consigo pensar em mais nada, só em você. Mais quando você vai embora, chega a realidade, de que você não me quer do jeito que eu te quero, e que o que você sente por mim nunca foi tão forte quanto o que eu sinto por você. Mas será que você nunca vai perceber que eu amo você ?

terça-feira, 17 de agosto de 2010

- lembro do nosso passado,


lembro do nosso passado, como se estivesemos vivendo ele aqui no presente.
Me lembro perfeitamente de como minha vida era completamente você,
lembro dos nossos beijo, dos seus olhares, e das intimidades que somente
a gente entendia. Lembro da tua doce voz sussurrando em meu ouvido como
a brisa do mar dizendo, "eu te amo minha princesa". Mas hoje vejo que nada
adiantou... você foi embora deixando o meu coração partido em mais de oito mil
partes desiguais. Hoje eu vejo que eu não signifiquei nada pra você, fui apenas uma
página em branco da tua vida, pra ser sincera eu achei que a gente ira ficarmos juntos
até a eternidade... Meu Deus, eu fiz tantos planos, eu não tinha dúvidas que com você
daria certo, eu escrevia em linhas tortas o nosso futuro. Mas o que adiantou ? você
simplesmente deu um fora, e nem olhou para trás. Você somente usou do meu coração, só me iludiu... não penso em mim nem se quer um segundo dessa tua vida infeliz .

- muitos de nós acreditam na beleza do amor,


no para sempre, no par perfeito, até que descobrimos que as coisas não são bem como sonhamos, e com certeza não se encaixam nas histórias dos Contos de Fadas. Um dia eu acreditei no amor, e percebi que não tem absolutamente nada a ver com muitos filmes românticos e músicas que nos fazem sonhar. Que não é perfeito, que nem sempre dá certo, e que muitas vezes não importa o quanto você tente e o quanto você lute, as coisas não saem como você quer. Que o amor nem sempre é lindo e que a existência de alguém que nos complete é utopia. O amor é um sentimento forte e intenso, capaz de trazer uma felicidade incalculável a quem tem a sorte de possui-lo de forma sincera, mas que também pode nos fazer sofrer como jamais imaginamos que poderíamos. Que o fim é insuportável e a superação não tão rápida quanto deveria ser. E acima de tudo, que vale a pena.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

- Quer saber a minha verdade?


A verdade é que eu ainda te amo. A verdade é que eu não consigo te esquecer, mesmo que eu tente. A verdade é que meus amigos dizem que tudo vai ficar bem, mas não vai! Eu tentei, tentei de verdade, mas não deu. Algo me puxou de volta. E por mais que eu tente me apaixonar por todos os outros meninos, por mais que existam milhares de homens perfeitos no mundo, é só você que pode me fazer feliz, é só você que eu amo, e é só contigo que eu quero passar o resto dos meus dias. Por favor, não diz que tudo o que a gente passou, você esqueceu. Não diz que todo o sentimento foi embora, que hoje não existe mais nada. Eu daria tudo pra te ter um dia de volta.

- Eu queria saber,


Porque quando escuto aquela música que me lembra a você, as lágrimas tomam conta do meu rosto, por mais que eu não queria, eu estou completamente presa a você, dói tanto saber que você possa estar nos braços dela, mesmo você sabendo que ela nunca vai te amar como eu te amo. Eu ainda acredito que nossa historia não chegou ao fim, mesmo que você não queira acreditar, eu acredito que possamos ter um final feliz, pois minha vida sem você não faz sentido algum. Por mais que meu coração esteja em pedaços e por ele que eu ainda estou aqui, pois ele ainda guarda a esperança de que um dia você venha para os meus braços, dizendo que o sofrimento acabou e que me diga um simples mais muito esperado: eu sempre te amei.

domingo, 15 de agosto de 2010

- é tanta coisa que acontece,


que as vezes acabo me perdendo no meio disso tudo, são tantas batalhas que temos que superar, coisas ruins, coisas boas, queria poder mudar o mundo, ou parte dele, queria encontrar uma pessoa diferente, que me mostra-se o real sentido da vida, queria entender as pessoas, queria entender a cabeça de uma pessoa que mata a outra por mesquinharias, queria entender o que leva uma pessoa a praticar um crime, a roubar, a matar, a sequestrar, queria entender o mundo, e as inúmeras coisas esquisitas que acontecem nele, mas sei que isso não é possível, queria entender a cabeça dessas pessoas que só pensam em fama, beleza e dinheiro, e não vem o mundo a sua volta, não vêem o quanto há de pessoas passando fome, de crianças pedindo esmolas, e vendendo balas no sinal, queria entender essas pessoas que se preocupam tanto em falar da vida dos outros, e acabam e esquecendo de suas próprias vidas! é tanta coisa que acontece, que as pessoas acabam esquecendo o que realmente é viver.

sábado, 14 de agosto de 2010

- Quem não tem medo do amor?



sabe eu sempre fico perguntando pra mim mesma, por que, todos os meus amores são por primeira vista ? é... e todos acabam com um final triste e não feliz, agente vive para ser feliz,pra ter momentos bons,e amores platónicos. Pior coisa do amor, é que agente vive demais no mundo de contos de fadas, mais só que, um dia esse mundo de contos de fadas acaba machucando o nosso coração e os nossos sonhos, por que a pior coisa é ficar se iludindo por um alguém que nunca vai te merecer. todos nós choramos por amor,por saudades dos momentos que você ficava feliz por um simples sorriso,e choramos por ver a aquela pessoa que tu ama com outra,e simplesmente feliz. falamos que : ''a já estou esquecendo ele'', mas a vontade de amar só aumenta. aumenta com uma conversa, com uma dança, com um abraço e até com um recadinho besta. sabe,eu tenho saudades da minha vida, de quando eu era criança, que eu não me apaixonava, eu não ligava pra meninos querendo me iludir, saudades das brincadeiras com barbie com um príncipe encantado do lado... isso sim pra mim era um sonho,que concerteza nunca vai acontecer... por que,homem perfeito não existe ,no capslock, não existe. sentimos vontades de nos matar,de corta nossos pulsos e seja que Deus quiser, só por causa de um amor não correspondido ou um fora. por que nos sofremos ? por que ? isso que eu sempre fico me perguntando... por que todos os meus amores sempre dão errado? por que existe sofrimento? por que? ! quando nos estamos nesse momento,não pensamos em ninguém, só a pessoa e você, só que agente vive, agente tem família, tem amigos, tem até pessoas correndo atrás de ti, mais você só vê você e ele, só isso, você pensa que a sua vida é só isso, o seu mundo só gira por esse alguém... mais só depois, agente chega a uma conclusão que tudo que você viveu e tudo que você sonhou e que pensou, era um simplesmente conto de um livro mal contado por si mesma, por um amor idiota e muito iludido. depois que ver que sempre esteve errada,você quer morrer, quer ficar sozinha no seu lugar, deixando o sofrimento paralisar seu corpo inteiro. choros sem parar, sofrimento sem previsão de acabar, sonhos acabados por um fio, e mais um outro amor, igual, despedaçado e acabado com toda sua força de sua mente.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

- Sabe o que é sofrer?


É todo dia lembrar de você junto comigo, e então voltar a realidade. Lembrar que nunca mais sentirei o calor do seu abraço. Lembrar que para você eu apenas fui mais uma, que você nunca mais será meu. Dói todo dia te ver com outra, e quando você me olha, ver que não há amor em seus olhos, nem ao menos carinho de um amigo. Apenas um olhar vago, como se você não me reconhecesse mais. Como se você não lembrasse que algum dia, ouvi sair de seus lábios, aquilo que agora você diz pra ela. Cansei de sofrer, se pudesse eu eliminava essa dor que machuca meu coração, mais é difícil, quase impossível, pois eu não menti quando disse que te amava.

- mais um dia sem você,


a tristeza só aumenta, mais eu sei que aqueles dias perfeitos não existem mais, que aqueles beijos vão ser somente boas lembranças. Agora você deve estar com alguém que te faz mais feliz do que eu. Não posso fazer nada se você não percebeu que era a pessoa mais importante da minha vida, e que eu morreria por você. Talvez quando você perceber isso eu já vou ter encontrado outro alguém pra ocupar o seu lugar. Mas mesmo eu não te amando como antes, eu sei que minhas pernas sempre vão tremer quando eu te ver, vai me faltar o ar, e as lagrimas vão cair sem que eu perceba. Porque você foi e sempre será o grande amor da minha vida.

- vai chegar um dia


que não irei mais agüentar a saudade, e ela transbordará pelos meus olhos. Pense que isso não são lágrimas de tristeza, mas também tampouco de alegria. É incrível como pude viver sem te ter por mais de semanas, sendo que hoje uns dias voltam a me sufocar. Saudade é uma dor inexplicável, parece que o tempo pára. E não há distração que o faça passar. Não sei o que faço com meus dias que parecessem ser tão compridos, nem como cessar os meus pensamentos quando a noite chega. É como estar sozinha, sem estar. É como se um vazio encontrasse meu peito e fizesse o doer intensamente até eu esquecer. Mas dão alguns poucos minutos e volta, até a próxima esquecida. Saudade é parecer que o mundo vai acabar, e de repente perceber que não é tão grave assim. Saudade é ser dramática aos montes e de repente se auto-confortar sabendo que logo vai passar, tão logo como irá sempre voltar.

- E enquanto estivemos juntos,


eu deixei de dizer coisas para não te magoar, para não te ver sofrer, mas agora, quem me fez sofrer foi você, e você assiste meu sofrimento em silêncio, como se não tivesse feito nada, como se você não fosse culpado. Se eu soubesse o que aconteceria, certamente teria dito tudo que eu pensava. Eu sabia que não devia confiar, algo me dizia para não acreditar, e acima de tudo não me entregar, mas eu estava perdidamente apaixonada e cega de amor, eu não quis ou não pude enxergar o que estava bem na minha frente e agora eu te pergunto, o que você ganhou me dizendo que me amava quando não era verdade? O que você ganha me vendo sofrer?

- Foda


é gostar tanto de você, é querer você perto de mim quando você quer distância, é entender seu lado mesmo ele sendo errado, é querer te abraçar quando estou com raiva de você, é desejar que você encontre alguem melhor, quando o melhor pra mim é você, é muitas vezes chorar só de lembrar que um dia você ja me fez rir, é dar a vida por você, mesmo quando você nem lembra da minha exitência, é pedir a Deus pra te proteger toda noite, e o mais foda ainda é te esperar quando isso é inútil.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

- você se lembra?


de tudo que passamos? das vezes que você me chamou de amor? e sente falta? dos nossos beijos? das nossas tardes? de quando era só você e eu? você se arrepende? de ter segurado minha mão? de ter dito que me amava? foi verdadeiro? tudo que você me disse? te jurei meu amor pra que? se agora eu não tenho você. onde anda o seu coração? a saudade me faz sofrer, tantas lembranças no ar me fazem chorar, me fazem querer de novo encontrar você. ah, se você soubesse o quanto eu ainda choro e sofro por você não estar aqui, e o quanto eu desejo voltar e parar o tempo no nosso ultimo beijo. depois daquele dia minha vida perdeu o sentido. sem você aqui, eu não vou ser feliz. já tentei te esquecer mais acho que não consigo, eu me sentia bem melhor quando estava contigo. conheci vários garotos, mais nenhum vai preencher a falta que você está fazendo. eu sinto tanta a sua falta, não vou aguentar mais um dia sem você. se eu pedir você volta pro meu coração? eu te amo de verdade, pode acreditar.você é minha vida, meu porto seguro, meu passado, presente e futuro. me ensina a te esquecer? eu não to mais aguentando essa solidão, que junto com a saudade, está me matando aos poucos.. então, volta pra mim? eu sempre vou te esperar.

- Vinte e dois minutos e um choro atrás,


era meu, só meu, seu coração, mas você terminou. Acendeu as luzes sem falar, me olhou de lado e pediu pra eu sentar. Disse que eu ia ficar bem, que encontraria outro alguém. Me deixou sem ar, sem paz, sem chão, fez eu desligar o rádio com nossa canção. Virou as costas, disse tchau, como se fosse tão normal. Vinte e dois minutos e eu fiquei sentado aqui, preciso entender, não posso te deixar partir... Por que não explica, o motivo de estar tão fria. Você sabe bem que a minha vida não vai fazer sentido sem você perto de mim. Porque você complica?veja nossa cama tão vazia, não quero te perder nem por um dia.

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

É ter todos e querer um só.


É sentir-se só no meio da multidão, olhando para os lados à procura de um olhar. Daquele olhar. É o que está perto, mas está distante. Você julga tê-lo, e ele acaba escapando-lhe das mãos. Você tem noção do seu poder, conhece os melhores métodos, as melhores táticas, mas estas parecem ser inúteis a ele — ele parece ser imune a todo o seu charme e sua graça. Eu tento. Eu não vou desistir. Eu ainda vou ter você.

- Despedaçada por dentro.


Eu não poderia te dizer por que eu me sinto dessa maneira, eu sinto isso todos os dias. E ninguém pode me ajudar, todo mundo viu eu cometer os mesmos erros novamente. O que está errado? São muitos, muitos problemas. Eu não sei a que lugar eu pertenço! Eu quero ir pra casa, mas ninguém está em casa é onde eu me encontro, coração partido não há lugar pra ir, não há lugar pra ir secar meus olhos. Abro os meus olhos e olho ao meu redor, encontro as razões, eu fui rejeitada, e agora eu não consiguo encontrar o que eu deixei pra trás. vou ser forte. São muitos, muitos problemas. Eu não sei a que lugar eu pertenço! Meus sentimentos eu escondo, meus sonhos eu não consigo encontrar, eu estou perdendo a cabeça, eu fui deixada pra trás, eu não consigo achar meu lugar, eu estou perdendo a minha fé, eu cai em desgraça ela está por todos os lados ela está perdida por dentro.

- Infância.


O que eu mais sinto falta de ser criança é poder sentar com as perninhas cruzadas, fazer um beicinho com os olhos marejados para logo em seguida explodir em um turbilhão de lágrimas, chorar com gosto, com a boca bem aberta, soluçando profundamente, até ficar sem ar.Que direito maravilhoso este que nos é tirado quando somos considerados adultos, o de chorar, em alto e bom som, toda vez que alguma coisa não nos agrada.Você sabe que é adulto quando descobre que a palavra adulto não tem o menor sentido.A vida fica séria e pesada, e as brincadeiras de faz de conta não envolvem mais princesas, príncipes e castelos. Na maturidade este tipo de jogo tem mais a ver com fazer de conta que gosta de alguém, fazer de conta que é equilibrada, fazer de conta que não doeu, fazer de conta que tudo bem.
Palavras estranhas que a gente não tem a menor vontade de entender começam a surgir em nossas vidas; averbações; alienações; fiduciário, holerite; cloridrato de sertralina, mas a gente faz de conta que entende.É um grande faz de conta, todo mundo faz de conta que é livre e que faz o que bem quer da sua vida.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

- Sinto a sua falta em tudo o que eu faço.


Quando me vejo, estou pensando em você. Mas eu te perdi, e agora? Queria tanto ver seu contato no meu celular ligando, mas não é assim. Eu sei que não é. Eu fico te procurando em todo mundo, e só quebro a cara. O que quero é você. O que eu quero é correr até ai e te abraçar tão forte. Não aguento mais conviver com essa dor, eu preciso de liberdade. Não posso mais ficar presa na solidão e na tristeza. Uma única pessoa não pode estragar toda uma vida... Eu espero. Por favor volte. Estou no chão, miserável. Preciso ouvir sua voz. Não aguento mais promessas quebradas. Por favor, volte

- Eu estou sendo consumida


pela sede de você não saciada, cada palavra amarga sua, cada gesto indiferente me consome a cada dia mais. E eu me perco, entre os buracos dentro de mim , e sinto que tropeço neles, procurando uma direção pra te mostrar que eu quero aquilo tudo de volta, eu preciso, assim como o ar. Eu agora ando me perguntando, onde estão aqueles momentos em que nós dois éramos um só. Meu coração queima e eu engulo a seco toda sua indiferença com o amor que sinto por você. Você mal sabe que quando isso acontece me dói, e lá se vai mais uma parte de mim se murchando, mais uma parte da minha alma. É como oferecer mel e ter de volta veneno. E como me atirar do abismo e não alcançar vôo.Eu acho que voei mais alto que deveria imaginando que sempre seria tudo perfeito, que um amor como nosso não teria erros, eu não imaginava que falhas poderiam desbotar algo tão forte, eu sempre colori nosso amor como eterno, e pra mim o amor supera tudo, e é por isso que eu insisto tanto, mas eu suspeito que muitas vezes estou sozinha nesse pensamento, e isso é mais uma dor pra mim. Mas você é o meu amor, a pessoa no mundo que tem esse significado, amor. Eu sempre achei magnífico estar com os pés fora do chão, mas não sabia o quão perigoso é . Eu me sinto em uma luta sangrando sempre pra chegar aonde eu quero, e quando eu acredito que minhas feridas vão valer a pena eu me engano e percebo que elas são quase invisíveis pra você, é quase um suicídio, pra mim um suicídio justo, em vida, e muito frustante . Eu sempre dou um pedaço de mim, esperando seu amor. Eu sempre espero o melhor, e a minha tentativa esperançosa e cega de te tocar no coração sempre me engana. E a cada dia eu invisto nessa tentativa de mostrar o meu amor a você, mesmo que em troca você faça algo que me doa, eu penso que você vai reconhecer que isso é por amor, que é por apenas querer que você perceba que só quero você para voar comigo, e mais ninguém. Eu andei descobrindo que as feridas por amor são as que mais doem, porque são feitas por mãos especiais, e até o corte mais fino, pode tirar seu ar e acelerar seu coração. São as que mais podem te destruir em pouco tempo. Eu aprendi a me acostumar com minhas lágrimas, mesmo elas sendo a pior companhia que eu possa ter . Eu descobri o sabor amargo da indiferença, e eu não sei até quando esse sabor percorrerá meu corpo se transformando em lágrimas pedindo você, não sabendo quando realmente terá quem você é de volta, essa é minha tortura, até ter você de volta. Mesmo que eu tenha medo de perder a mim mesma, de tanto procurar por quem você é, e o preço disso é o amor.

- Todos tentamos fazer o melhor que podemos.


Mas o mundo é cheio de inesperadas reviravoltas. e quando você acha que é dono do seu própio lugar, o chão sob você sai do lugar e te derruba no chão. se você estiver com sorte, acabará com nada mais do que um aranhão, algo que um band-aid irá cobrir. mas alguns machucados são mais profundos do que aparentam ser, e necessitam de mais cuidado do que um curativo. e com alguns machucados, você tem que tirar o band-aid, deixá-lo respirar, e dá-los tempo para sarar.

- Sempre


que acho que encontrei a pessoa certa, vem a vida e me mostra ao contrario, porque é tão difícil assim pra mim ser feliz porque e tão difícil mostrar o quanto eu gosto das pessoas, eu só queria uma vez na vida acertar, ter a certeza de que tudo vai dar certo,só queria alguém que estivesse do meu lado quando eu caísse que ficasse comigo no momento da dor, que me fizesse feliz nem que fosse por um instante, ah porque você não é a pessoa certa, como eu queria que fosse, como eu queria te ter aqui comigo poder dizer que eu realmente encontrei aquela pessoa que vai me fazer esquecer tudo que eu já sofri, que vai me amar sem pedir nada em troca.

- Fugir


Pra qualquer lugar, pra qualquer tempo. Esquecer. De dias, de pessoas, de momentos. Sumir. Por alguns dias, pra tentar fazer aquela pessoa notar sua falta. Tentar fugir, esquecer e sumir ao mesmo tempo. Tentar ser forte, tentar ser feliz, tentar sorrir. Tentar chorar, mesmo com os olhos secos. Escolher uma vida, uma rotina, um destino. Viver a vida, sem se preocupar com os problemas. Perceber que nem sempre as coisas acontecem da nossa maneira, como o esperado. Perceber que às vezes não dá pra fugir, esquecer e nem sumir.

- True or lie ?


Tudo começa no fundo branco, de uma cabeça vazia,e ai vem aquelas tradicionais perguntas,O que te faz acreditar em alguém?O que te faz achar que o que uma pessoa parece te mostrar possa ser real?Creio que a maioria das coisas acaba sendo influência de pensamentos,de coisas, boas ou ruins,de momentos,mas se for pensar bem,Quem é normal?Quem não mente?O que é real,racional ou imoral? O que você faz acaba não sendo o que você queria fazer,e o que você ouve é exatamente o que queria ouvir,porém tudo pode ser acreditável,toda mentira pode ser bem contada,mas os olhos nunca vão mentir, a duvida corrói, a verdade dói, e a mentira te destrói, mas o caminho é lento, tudo tem volta, ainda é só o começo,pra bater com a cara no chão é preciso se jogar e se não doer bastante na primeira, cair no chão se torna rotina; Para tudo se tem uma chance e duas alternativas, de uma escolhida o que resta é segurar a conseqüência.Já não sei, e também não me importo, com o que é sonho ou realidade, tudo parece tão real na minha ilusão, os sentimentos e pensamentos tornam-se tão reais nos meus planos, mas a sensação de realidade sempre insiste em voltar, e despedaça tudo aquilo que era sonho e vontade de verdade, é como se estivesse em meio a um lugar lindo, limpo e verde, e derrepente a única coisa que te resta de tudo é uma folha ressecada, talvez alguma única esperança? Ou talvez a prova de que algo foi verdade? Talvez seja medo da realidade, duvidas sobre a verdade, falta de vontade, ou simples saudade, duvidas cruéis, pessoas infiéis, medos normais, conflitos casuais, casos banais.

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

- Solidão.


Pense em um cômodo escuro. Em uma parede estão todas as pessoas que você convive, eles te observam. Tentam entender o que há de errado com você. Tentam procurar respostas para seu comportamento, para suas lágrimas e ninguém consegue ajudar. Estão todos a sua frente, te apoiando. Mas você não vê. Eles seguram a sua mão. Mas você não sente. Não sente a presença de ninguém. O cômodo escuro vai ficando pequeno e vazio. Você ouve o silêncio da sua alma e se sente perdida. A vida se transformou num poço de dor, você não vê saída. O quarto está diminuindo, você está sozinha

- Eu me lembro dos detalhes.


Me lembro da maneira como você me fazia se sentir a melhor menina do mundo. Lembro do meu coração acelerando só de pensar em falar com você. Vejo nas cartas e fotografias antigas o quanto nós éramos felizes. Lembro do dia que você disse "eu te amo" e me deixou boba de tanta alegria. Lembro do modo como seu olhar me encantava e me fazia feliz. Da sensação de paz em tocar suas mãos e da vontade de não te soltar nunca a cada abraço. Não sei onde eu me deixei te perder, mas agora eu sei o quanto eu sinto a sua falta. Talvez o brilho dos seus olhos esteja encantando outra pessoa, talvez você esteja feliz. Te perdi em alguma viela da vida e hoje espero que você esteja bem. Quem sabe um dia voltar? Parecíamos ter uma vida pela frente. Juntos.

- Eu sofreria qualquer coisa.


Suportaria qualquer medo, deixaria qualquer vício, se isso fosse te fazer feliz. Eu mudaria qualquer coisa pra você. Se você não se sente a vontade com o seu dia, eu faço o que eu puder pra que o seu dia tenha o mínimo de graça. Se você quiser que eu me distancie, eu me distanciarei. Se quiser que eu esteja por perto, eu vou estar. Se quiser que eu te surpreenda todos os dias, eu farei o possível pra isso. Eu não mediria esforços para a sua felicidade. Ela é tudo que eu tenho, tudo que me preocupa, tudo que me interessa.

- Algo que nos fere aos poucos.


Saudades, algo que nos fere aos poucos, fazendo crescer a vontade incontrolável de encontrar a pessoa amada. Quando você se encontra apaixonada, o tempo parece lutar contra você. Cada minuto longe dele parece um dia, e cada dia se iguala a séculos. Momentos que fazem seu pensamento voar longe, e que faz a saudade tomar conta do seu pobre coração, que quer somente se reencontrar com aquele que o enfeitiçou. As horas passam lentamente, e o dia acaba se tornando algo insuportável. Nada mais importa, seu único desejo é matar aquele sentimento que tortura. O ser amado esta cada vez mais presente nos seus pensamentos e o amor parece crescer a cada instante. Longe dele seu mundo parece ser vazio, cada musica que escuta faz seu coração lembrar do seu amor, cada casal que você vê, faz você pensar que ali, naquele momento, seu amor poderia estar com você, porém se conforma em ter ele dentro do coração e totalmente presente na sua mente, na sua alma.Varias teorias foram feitas para tentar decifrar esse parasita chamado saudade. Seria algo inexplicável, surreal, porem doloroso, mas que mostra que quando se ama todos os momentos com o amado são perfeitos. Mostra que o passado, por mais que seja recente, valeu a pena, e que há uma eternidade esperando você e seu amor.Saudade vai e vem. É algo presente no nosso dia-a-dia. Algo que temos que lutar contra, mesmo não sabendo como. Talvez o único jeito seja amando cada vez mais, pois quem fez crescer o amor, com certeza sabia que esse seria o sentimento mais nobre e celestial de todos. Aquele que vence qualquer distância, preconceitos ou dificuldades. Dizem que quem inventou a distância não imaginou como dói a dor da saudade. Mas por mais que essa dor seja grande, a força do amor é muito maior, e é essa certeza que nos faz forte para seguir em frente. Então, mate a saudade da melhor forma possível: amando sempre.

- Quando voce perde a pessoa que ama é como se perdesse seu coração.


Você o entrega com tanta intensidade que não consegui te-lo de volta e mesmo se o recuperasse ele estaria tão machucado que não bateria mais. E por falta do seu coração o vazio no peito se expande mais e mais, tirando seu ar aos poucos, até o momento em que você fica sem respirar... E a certeza de que não conseguirá o ar novamente torna o vazio ainda menos aceitável. Você doou a alguém todo o amor que um dia pôde sentir, e esse alguém é levado de você tão depressa. Não importa o quanto você permanece ao lado daquela pessoa, dias, semanas, meses, anos. Se ela despertou o amor verdadeiro em você, é dessa pessoa que você vai lembrar todos os dias antes de dormir, e que vai sonhar pedindo enquanto dorme pra que ela esteja perto de ti. E só quando acordar e ver que não é real vai sentir dor, e isso você poderá chamar de dor. Isso sim é um motivo pra chorar, só quem perde o coração sabe o que é estar nessa vida não vivendo, mas sim sobrevivendo.